A cor das flores

A raríssima flor de Jade

Durante  séculos,  as flores foram a principal fonte de cor. Os pigmentos sintéticos começaram a ser produzidos no século 18. Esses dados serviram apenas como uma introdução para o verdadeiro objetivo desse artigo, que é  chamar atenção para o fato de como as cores das flores podem nos proporcionar uma experiência de vida melhor.

Olhe para as flores. Você encontrará uma variedade de cores – do branco puro ao preto. Algumas flores são de cor única enquanto muitas outras têm cores tão lindamente misturadas que nenhum pintor pode fazer algo parecido.

A primeira constatação que podemos fazer é — todas as cores parecem cair bem em flores. Podemos odiar uma cor, você pode não gostar de amarelo, por exemplo,  mas se você pegar uma flor de cor amarela, você nem vai se lembrar que não gosta de amarelo. Por quê isso? Porque a cor se funde tão bem com os demais elementos que compõem a flor como  sua forma,  a textura das pétalas, seu perfume. Nada se mostra em separado, mas se funde totalmente na flor. Você resgatou essa sensação? Mesmo quando você estava examinando atentamente uma flor, a sua percepção é única. O estímulo que você recebe é do conjunto formado pelo toque, a forma, fragrância, a simetria. A cor se fundiu com as outras qualidades para criar algo ímpar.  Isso faz sentido?

Eu escolhi  falar sobre as cores, para transmitir uma idéia. Mas eu poderia ter escolhido  qualquer outra qualidade da flor. Minha afirmação é simples. Se uma qualidade não supera outras qualidades, mas combina com elas, o resultado pode ser excelente. Nós, como seres humanos, podemos fazer o mesmo — como membros de uma família, de uma equipe ou parte do grupo empresarial ou como cidadãos de nossa nação. Em vez de dominar os outros com nossas qualidades, se tentarmos fundir e criar um todo, o resultado sempre será muito melhor.

O importante é dissolver o ego individual e trabalhar  em equipe.              

Sinta-se a vontade para comentar!

Yara Prates/ Master coach

4 ideias sobre “A cor das flores

  1. Olá Yara, este foi o primeiro texto seu que li e já virei seu fã. De maneira muito inteligente e sensivel você deu uma aula de relacionamento. Parabéns! Ansioso pelos próximos. Abreço, Alexandre Silva

    • Alexandre, muitíssimo obrigada, ter você como meu fã é uma responsabilidade enorme. Com certeza vou ter que me esmerar, para continuar mantendo-o nessa condição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *